segunda-feira, 18 de janeiro de 2010

For a little bear.

E por saber do cheio do teu beijo é que o telefone se tornou o meu maior aliado, transmitindo as várias vozes que eu te faço por você me fazer várias e ao mesmo tempo ensaiar uma nova língua.
Escrevi em outro lugar que o anjo deu uma reacendida no fogo da gente. Foi, claro um cupido, mas não qualquer um. Aquele que pode SER cupido. E eu amei, nada mais fora disso poderia ser.
A saudade e o inevitável estão juntos, mas por tudo já ser apenas uma questão de marcar dias no calendário eu me preocupo apenas com a textura da pele que vou te dar, com a maciez do cabelo que você merece e a disposição do mundo todo que guardei pra ti. Que nos guardamos em si. Algo como um coração calado que mereceu falar e foi aceito. Que ouviu resposta e que agora só espera pra ser mais feliz durante alguns dias.
Teu medo já dissipou o meu e vice-versa. Ficou claro pra mim quando a objetividade despontou em algum diálogo não direto, mas conclusivo. Tudo meu e seu ali amor. Tudo floresta e neve. Tudo pedindo pra ser fotografado e nós apenas começamos.


Lov u, little bear.







Lorena A.







P.S.: Estou numa fase de muitos derramamentos, por isso migrei um pouco pro

www.miriadelisia.blogspot.com

mas não abandonei isso daqui ainda não!
=)

2 comentários:

Rita disse...

adorei descobrir o teu blog

kiss kiss*

Borblady disse...

absolutamente lindo

scraps.


Trimera Casa de Letras.

Blogueiros do Piauí.