sábado, 12 de janeiro de 2008

a deusa e a puta.





e é assim que ele gosta de ser tratado
é assim que eu gosto que ele me trate.
o mal-tratado.
em busca de eteriedade fajuta,
de rebuscadas fontes de inspiração.
ação, paixão.
olhos revirando em certos momentos de angústia dolorida
doída,
prazerosa, de amor.
quero que seja assim mesmo
porque mais do que assim
é o que sou.
louca, louca e louca
pelo corpo que me hipnotiza
pelo cheiro que me enebria
pela boca que me parte ao meio
me faz em duas.
duas mulheres,
uma a deusa e a outra, a puta.

Lorena A.



Creative Commons License


Esta obra está licenciada sob uma
Licença Creative Commons.

Um comentário:

Alekz disse...

Hummmm....esse seu sacerdocio ao sexo é uma delicia de devoção....bjs

scraps.


Trimera Casa de Letras.

Blogueiros do Piauí.